sábado, 16 de fevereiro de 2019

Qualidade da distribuição de energia elétrica

Quando falta muita luz na sua casa, a distribuidora de energia elétrica é obrigada pela ANEEL a compensar financeiramente  você, consumidor.

Mas as regras que tratam da compensação devem ser aprimoradas em breve.

Hoje eu vou apresentar para vocês a proposta da agência para melhorar a regulação da qualidade do serviço de distribuição.

Antes de falar das mudanças que estamos propondo, é importante que você entenda como se mede a qualidade.

Quando a ANEEL se refere à qualidade do serviço de distribuição, ela se concentra em três aspectos que interferem na vida dos consumidores: a qualidade do produto, ou seja, se a energia que chega à sua casa está na tensão correta, sem falhas ou perturbações; a qualidade do serviço, ou seja, o controle das interrupções do fornecimento e do atendimento às ocorrências emergenciais; e a qualidade do atendimento ao consumidor.

Quando se fala da regulação da qualidade da distribuição de energia, existem algumas siglas que são importantes.

São dois os indicadores que demonstram a qualidade no fornecimento de energia elétrica em uma visão coletiva, uma visão de vários consumidores: o DEC, que significa Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora.

Ele informa quanto tempo, em média, o consumidor ficou sem energia em sua casa ou no trabalho. E o FEC, ou seja, a Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora.

Nesse indicador, se mede quantas vezes faltou luz em um determinado período. A cada ano, a ANEEL define os limites máximos de DEC e FEC que cada distribuidora pode atingir.

Esses indicadores servem para medir o Desempenho Global das distribuidoras quanto à qualidade do serviço, assim, é possível comparar o desempenho de uma distribuidora em relação às demais.

Além do DEC e do FEC, existem os indicadores individuais, que apuram a qualidade do fornecimento em cada unidade consumidora.

São quatro indicadores individuais: DIC - Duração de Interrupção Individual por Unidade Consumidora. Informa por quanto tempo uma unidade consumidora ficou sem energia elétrica.

FIC - Frequência de Interrupção Individual por Unidade Consumidora. Indica o número de vezes que a energia foi interrompida em uma unidade consumidora.

DMIC - Duração Máxima de Interrupção Contínua por Unidade Consumidora.

É o tempo máximo de interrupção contínua de energia elétrica em uma unidade consumidora e o DICRI, que é a Duração da Interrupção Individual Ocorrida em Dia Crítico por Unidade Consumidora.

Ele corresponde ao tempo de cada interrupção ocorrida em dia crítico, para cada unidade consumidora.

Quando a quantidade de ocorrências emergenciais é muito elevada, esse dia é classificado como dia crítico.

Quando a distribuidora não cumpre o indicador individual, ela deve compensar financeiramente o consumidor.

A compensação é automática e deve ser paga, por meio de desconto na conta de luz. As distribuidoras devem informar esses valores à ANEEL em até três meses após a apuração do indicador. E a ANEEL fiscaliza essa informação.

A Audiência Pública propõe mudanças na metodologia dessas compensações e também na componente de qualidade das tarifas de energia.

Os principais pontos da proposta são: Mudar o foco das compensações, para que os consumidores que recebem serviços com pior qualidade possam ter um aumento no montante compensado.

Como é calculada a conta de luz


Alterar a base de cálculo das compensações, para simplificar as regras e retirar itens que a distribuidora não pode controlar; aprimorar a componente de qualidade das tarifas de energia;

Propor o uso dos indicadores internos de qualidade nas compensações, na componente de qualidade das tarifas e nos demais mecanismos de incentivo à melhoria do serviço. Você pode também aes eletropáulo 2 via.

Com a regulação da qualidade, temos mantido abaixo do limite regulatório a frequência de interrupções, o FEC. Nos últimos anos, também alcançamos a redução progressiva da duração das interrupções, o DEC.

Isso significa que, em média, a energia elétrica está disponível para os consumidores brasileiros em 99,85% do tempo ao longo do ano.

Com as regras atuais, os consumidores foram compensados em 2017 em cerca de R$ 500 milhões. Esse valor foi repassado diretamente nas contas de luz.

Apesar desses avanços, percebe-se que o DEC ainda não atingiu o limite em algumas partes do país. Ainda existem diferenças no nível de qualidade nas diversas áreas das distribuidoras.

E uma grande parte das compensações é paga aos consumidores que recebem uma maior qualidade do serviço. Além disso, há espaço para simplificações.

Com a revisão da norma de qualidade, a ANEEL pretende: Aumentar os valores compensados aos consumidores que percebem uma pior qualidade.

Ao mesmo tempo, incentivar as distribuidoras a direcionarem esforços para melhorar a qualidade desses consumidores de forma permanente.

Aumentar o incentivo para que, durante as ocorrências, as distribuidoras atuem com mais celeridade e mais eficácia no restabelecimento dos consumidores mais afetados;

Incentivar com mais clareza e intensidade a melhoria da qualidade média da área das distribuidoras, uma qualidade equivalente para todos os consumidores e o cumprimento do limite regulatório.

Responsabilizar as distribuidoras apenas por eventos que ocorram em sua área e que sejam influenciados pela sua atuação.

Essa proposta alinha o modelo brasileiro com as melhores práticas internacionais. E simplificar as regras para facilitar a compreensão das distribuidoras e o acompanhamento pelos consumidores.

A proposta não busca alterar o valor total pago pelas distribuidoras. Ela apenas direciona as compensações que seriam pagas aos consumidores com maior qualidade para aumentar o valor pago aos consumidores com pior qualidade.

A previsão é de que os consumidores que recebem um serviço com pior qualidade sejam compensados com valores até cinco vezes maiores, em média.

Com a proposta, o valor da tarifa de energia fica mais conectado à qualidade percebida pelo consumidor.

Se a distribuidora não atender o limite estabelecido pela ANEEL em toda sua área de concessão, a redução na tarifa será ainda mais intensa.

Por outro lado, se ela entregar uma qualidade superior à exigida pela ANEEL, ela terá direito ao um bônus na tarifa de energia.

Se a distribuidora entregar exatamente a qualidade definida pela ANEEL, não haverá alteração na tarifa.

Os dados mostram que o impacto das ocorrências externas é bem menor do que o das ocorrências internas.

As transmissoras já são incentivadas a entregarem uma alta qualidade às distribuidoras além disso, elas já são apenadas quando não cumprem os limites estabelecidos pela ANEEL.

A ANEEL preparou um documento com algumas alternativas para cada proposta de alteração das regras.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Ronco infantil como tratar?

Você mãe já percebeu se seu filho ronca enquanto dorme ou se ele respira somente pela boca?

Eu vim falar nesse artigo sobre a urgência de você levar o seu filho a um otorrino e a um ortodontista se ele apresentar um ou outro problema ou esses dois juntos, mas primeiro deixa eu me apresentar.

Eu sou Dra Carla dos Santos, odontopediatra e ortodontista e venho através desses artigos, dar alguma informações importantes sobre a saúde do seu filho, pra que você possa cuidar ainda melhor dele.

Por que é que a criança que respira só pela boca e o ronco, provavelmente, é decorrente disso ela deve ser levada a um otorrino o quanto antes e depois a um ortodontista?

Porque é nessa fase, nos primeiros anos de vida que ocorre o desenvolvimento, o crescimento dos ossos da face a maçã do rosto só se desenvolve bem se o ar passa pelo nariz, então a criança que respira só pela boca, provavelmente, tem uma obstrução da passagem de ar, um obstrução nasal e o que isso pode acarretar?

Existem alguns tratamentos indicados para pessoas que roncam, e eles servem inclusive para crianças que desde cedo já tem problema com isso.

Um deles é conhecido como Stop Ronco Funciona e pode te ajudar muito a solucionar esse tipo de problema de forma menos invasiva.

Além da falta de desenvolvimento da maçã do rosto, o nariz se desenvolve pouco, fica aquele nariz pequenininho, aberturas nasais também muito reduzidas, esteticamente isso não fica bem e existem até pesquisas que comprovam que a criança que respira pela boca somente possui um déficit de atenção na escola.

Existe a síndrome do respirador bucal, que é um conjunto de sinais que desfavorecem o bom desenvolvimento da criança, resumindo...

Se o seu filho ronca a noite, provavelmente, ele está respirando só pela boca!

Leve a um otorrino e ortodontista também poderá ajudá-lo, inclusive existem aparelhos ortodônticos e ortopédicos que ajudam a melhorar a passagem de ar pelo nariz para que a criança respire melhor.

Eu espero que você tenha gostado desse artigo de hoje e espero que te ajude de alguma forma.

Deixe seu comentário e se tiver uma pergunta quem sabe eu escrevo aqui um novo artigo só pra você. Tchau, tchau!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Dicas de como comprar com segurança na internet

Bom dia, boa tarde e boa noite senhoras e senhores. Nesse artigo vou ensinar a vocês algumas dicas interessantes, sobre como comprar na internet com segurança.

Dicas de segurança para comprar online

 


Se você usa o seu cartão de crédito de qualquer maneira na internet pode um dia acordar com algumas surpresas não tão agradáveis, como, por exemplo, um cartão de crédito clonado cheio de compras que você não fez, ou uma fatura mirabolante para pagar.

Alguns bancos demoram um pouco para constatar a fraude e devolver o dinheiro ao dono do cartão, por isso é sempre bom se precaver e cuidar do seu nome e das suas informações pessoais.

Suspeite de preços surreais


Por exemplo, se você vai comprar uma coisa que custa em média 1000 reais e encontra ele por 100 reais  alguma coisa errada! Tem aí, seja na qualidade do produto ou até mesmo da honestidade da loja.

Alguns sites da China vendem produtos muito mais baratos, é o caso do que oferece o aplicativo Wish. Nele você encontra preços mais baixos, porém não se iluda, os valores não são 10x menores, entendeu?

Confira se o site é seguro


Para saber se um site é seguro confira no começo do nome do site se começa com HTTPS que é um protocolo de segurança, o que significa que suas informações estão seguras.

Se o site não foi capaz de se preocupar em proteger os seus dados quem garante que não os entregará para ninguém? E pior ainda, quem garante que você vai receber o que comprou?

Pesquise sobre o site no Reclame Aqui

 

Se você nunca comprou em um site e deseja saber se é confiável, confira no site do Reclame Aqui ou no próprio Google se ele é confiável. Por exemplo, você pode fazer uma simples busca no Google por Wish Reclame Aqui ou Wish Reclamações para saber se o site é confiável e se ele tem uma boa reputação.

Além disso você também vai se informar sobre o que outras pessoas que já compraram lá, tem a dizer.

Nunca deixe salvo o número do seu cartão de crédito


Essa é uma das dicas mais importantes: NÃO DEIXE SEU CARTÃO SALVO! Mesmo em sites seguros, evite deixar seu cartão de crédito salvo para facilitar compras futuras.

É melhor manter o sigilo dos dados do seu cartão e digita-los em cada compra, além disso evita-se compras indevidas, já que com o cartão salvo, com um ou dois cliques você já faz a compra, principalmente com crianças que podem comprar sem a sua autorização às vezes, sem nem saber que estão comprando algo.

Até a próxima e obrigada por nos acompanhar aqui!

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Veja como a ansiedade pode te deixar broxa


Falam por aí que nós homens pensamos com a cabeça do pau, e que ela manda no resto do nosso corpo e ações. Ou seja, todo mundo afirma que nossas ações são tomadas baseadas na cabeça debaixo. Eu particularmente discordo disso.

Depois de anos tendo contato com vários pacientes descobri que a maioria deles, mesmo que com o Tesão batendo no céu, broxam!

Seria muito mais fácil falarmos de sexo colocássemos nossos pênis como personagens de uma história. Porém eu acredito que seja necessário que nossas cabeças estejam em sintonia. Isso mesmo, que nossas duas cabeças pensem e ajam juntas, em comum acordo. Vamos falar hoje sobre o Power Blue funciona, saiba mais.


Como manter ereções duras




Quando eu digo que a ereção sempre está relacionada a tranquilidade, relaxamento e inspiração dizem que isso é balela ou papo de mulher. Mas pense comigo, sua ereção está diretamente ligada a criatividade, desejo, paixão...certo?

Vários homens que eu já tratei e conheço tem medo do julgamento porque broxaram! Medo de decepcionar a parceira, medo de não conseguir oferecer o prazer que desejam. Então amigos, eu tenho razão no que eu disse acima.

Posso afirmar que para atingir uma ereção dura e forte você precisa de tudo, menos dessas preocupações. Você precisa relaxar e entrar no clima da transa. Parece complicado para você?

Existem algumas causas de broxada fáceis de serem listadas: mau hálito da sua namorada ou esposa, ausência ou presença de pelos pubianos, imagens do seu dia de trabalho, preocupação com dinheiro e contas que você tem para pagar, sua mãe que insiste em aparecer na sua cabeça nas horas de prazer, estresse, fadiga...

Por isso, meu amigo, eu receito sempre um bom jantar e aquele bom vinho a dois. Ao invés de luzes use velas, compre uma bela lingerie para sua mulher e use a criatividade. Visitas ao sex shop também podem apimentar e completar o resto. Se você broxou um dia, esqueça. Pode ter sido apenas um dia de pensamentos ruins na hora errada, deixe rolar novamente.

Porém se você notar que o problema está mais embaixo (no sentido literal da coisa!) e ele insistir em não melhorar não tenha vergonha, receio ou medo de procurar ajuda. Existem médicos e profissionais especializados que podem te ajudar a sair desse barco furado.

Conheci e conheço vários homens que abdicam do prazer de gozar por vergonha ou receio de procurar ajudar profissional. Suas falhas podem ser admitidas. Acredite: elas acontecem com que você menos imagina.

Com dias cada vez mais conturbados e estressantes é cada vez mais normal ver homens mais velhos e até jovens no alto da sua vida sexual sofrendo com esses problemas citados aqui.


A pressão no trabalho, na faculdade, a responsabilidade de manter as contas em dia, o receio de falhar na hora H, a vontade de satisfazer a mulher...tudo isso se torna motivo para que você sofra com problemas de ereção, impotência sexual e podem fazer com que você broxe na hora do sexo.


Pesquisas apontam que a disfunção erétil afeita 48% da população brasileira masculina e pode ser originada por problemas fisiológicos e psicológicos como depressão e ansiedade.

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

O que fazer depois que ele broxa?

Se você nunca passou por essa situação constrangedora não fique tão feliz. Estudos revelam que pelo menos 70% dos casais brasileiros já passaram ou vão passar por isso.

Primeiro para os homens:  Ninguém precisa ficar sabendo que estamos falando disso aqui, ok? Hoje vamos falar sobre um dos problemas mais constrangedores para nós homens, o momento no qual broxamos ou que nosso pau não sobe de jeito nenhum.

Sabe do que eu to falando? Existem aqueles dias que nosso pau não vai. Não sobe nem fodendo. Você com aquela gostosa que sempre quis e ele lá, estático.

Já passou por essa situação? De estar lá e na hora H nada acontece?

Você pode negar para seus amigos até a morte, porém você sabe que aquilo aconteceu e isso já te deixa fodido da vida. O mais importante é que você consiga reverter essa situação e não saía tão por baixo.

O que não fazer depois de broxar?

 

Fazê-la sentir-se culpada

Jogar a culpa da sua broxada na sua parceira não vai torná-lo mais homem, ok? O problema foi com você e não com ela. Então se você fizer isso pode iniciar uma discussão sem fim ok? Vale a pena? Se você gosta e respeitar a mulher que está não faça essa ceninha.

A culpa é minha
Essa é outra forma de sair por baixo. Você não precisa ficar se auto flagelando. Relaxa, essa merda acontece!

Encher a cara

Beber não vai resolver seu problema. A bebida pode até ser sua aliada e te fazer sentir mais tesão, porém encher a cara só vai colaborar para que você broxe de novo. Se você tiver broxado anteriormente vale a pena deixar a bebida para lá!

Ficar procurando os porquês

Ficar até dos porquês a broxada aconteceu não vai te ajudar e não é legal, ok? Você vai ficar se questionando e pensando no problema e isso não vai resolve-lo. Apenas deixe para lá.

O que a mulher tem que fazer

 

Existem algumas coisas que as mulheres podem fazer para ajudar um cara que broxou, ok? Confere a listinha e coloque em prática, por favor:

– Não abandone o cara, releve o que rolou entre vocês e seja carinhosa na hora da broxada;

– Deixe-o livre para fazer o que ele quiser na hora, o que importa é que ele se sinta melhor após o acontecido;

– Se ele estiver muito cansado e bebado é melhor deixar quieto, quem sabe outro dia ok? Homens nessas situações podem broxar uma segunda vez e aí imagina o tamanho da frustração?

- Se ele estiver desesperado para tentar de novo tente fazê-lo relaxar, talvez o pau não suba de novo e aí vira aquela cena desesperadora que já sabemos como termina: MAIS UMA BROXADA!

– Falar de sacanagem ajuda, falar sobre seus fetiches e fantasias podem ajudar a fazer o pau dele subir;

– Faça sexo oral nele. SIMMMM! O sexo oral pode salvar a transa da noite. Todo homem adora um sexo oral e isso pode ser um santo remedio para erecao masculina do seu parceiro.

– Não saía por aí falando para suas amigas sobre o que acontece, expor seu parceiro não é legal, certo? Você gostaria que ele saísse expondo a vida de vocês na mesa do bar? Isso é chato demais e pode jogar sua relação no lixo.

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Qual a melhor corda para guitarra?

Olá pessoal bem vindos ao nosso site. Como vocês já sabem esse é um site novo e em um site
que esta começando é super importante receber feedbacks e comentários de vocês, certo? Então vamos lá.

Hoje a gente vai falar de um assunto, que gera bastante dúvida, seja em guitarristas iniciantes, em guitarristas um pouco mais experientes, que é qual corda de guitarra comprar e utilizar em sua guitarra.

De fato, existem hoje muitas marcas, existem tensões diferentes de corda, por exemplo, corda de guitarra 0.9, 010 e existem também materiais diferentes de cordas, vou tentar abordar aqui um pouquinho destes assuntos e te ajudar a escolher a sua próxima corda, acorda que quem sabe você vai se adaptar e vai tocar com ela a partir daí, curso de guitarra.

Então a primeira coisas que vamos falar é sobre marcas de corda de guitarra, a gente tem algumas marcas nacionais e temos algumas marcas importadas, eu falar três marcas que eu já testei, testei outras já, mas estas três são as marcas que eu gostei de tocar e acho importante passar para vocês.

Primeira marca, vou falar de uma nacional, que tem um preço acessível, eu acho que foi uma marca bacana me deu uma resposta legal quando eu precisei dela, hoje eu já não uso mais ela, que são as cordas da Gianinni, apesar de ser uma corda nacional é uma corda de guitarra de boa qualidade, é uma corda que dá uma resposta boa eu utilizei ela durante um bom tempo, até para uma outra corda que daqui a pouco eu falo para vocês, mas esta corda ela realmente deu conta do recado num
bom tempo que precisei dela.

Uma outra marca de corda, esta é importada, eu vou colocar ela como a corda de melhor custo benefício, são as cordas da Daddario, são cordas não muito baratas, também não são as cordas mais caras, porém são cordas muito boas, com boa durabilidade, cordas que tem uma boa resposta e com certeza você vai ter bons resultados, atualmente não é a corda que eu uso, eu tenho utilizado as cordas
de guitarra Elixir, da caixinha azul, porque ela é feita de uma material que eles chamam de Colted, e essa corda para mim faz muito sentido, porque eu tenho muito ácido úrico, então mesmo as cordas da Daddario conforme eu vou utilizando ela com o tempo, ela acaba enferrujando com uma certa facilidade.

Então por conta desse problema que eu tenho com ácido úrico eu prefiro utilizar as cordas da Elixir, elas são mais caras, consideravelmente mais caras que as cordas da Daddario, mas são excelentes cordas e eu indico para vocês testarem.

Um cuidado que você tem que ter com estas cordas, principalmente se você compra pela internet, é que existem muitas falsificações desta corda, então é bom que você tenha certeza do comprador que você esteja comprando, se você comprar no mercado livre é legal ver as recomendações dele, ou então ir até uma loja mesmo, quem esta em São Paulo, pode ir até a Teodoro Sampaio, ali tem diversas lojas que conseguem vender esta corda original num preço bacana, um preço de mercado, que você vai conseguir adquirir a corda.

Falamos aqui então das marcas de cordas de guitarra, então vamos falar de um outro assunto que também gera bastante dúvida que a tensão da corda, existem cordas 0.9, na verdade é 0,009, as cordas 0.10, que na verdade é 0,010, enfim o que significa este 09, este 010, primeiro ele significa qual é a espessura da corda, quantos milímetros tem a primeira corda da guitarra, ou seja, a corda Mizinha.

Então é importante que você saiba o que é estas nomenclaturas. Muitas pessoas definem espessura da corda, de acordo com o estilo de música. Vamos lá, primeira coisa importante a dizer, o estilo que você toca não necessariamente é o que define a corda, a espessura da corda que você vai utilizar, este sim é um critério importante, que você tem que considerar, porque tem a pegada do estilo do também, e isto influencia na corda que você escolhe, mas tem dois outros fatores importantes.

O primeiro fator é, qual o seu nível? Iniciante ou um guitarrista intermediário ainda, não tem tanta fluência, tanta experiência na guitarra. É preferível utilizar cordas 0.9 ou 010. E por quê? São cordas que têm uma tensão menor, ou seja, você consegue dar bends, praticar slides ou executar outras técnicas sem muito esforço. E não vai agredir tanto também os seus dedos, então você vai conseguir fazer isso com uma certa facilidade.

Cordas 011 ou 012 exigem que você exerça uma força maior para conseguir aplicar este tipo de técnica, principalmente o bend, porém como eu disse anteriormente não é o estilo que vai definir qual a melhor corda para guitarra, e também não só o tempo de experiência que você tem na guitarra, por exemplo, muitos guitarristas utilizam cordas 012, por exemplo, para tocar um metal pesado, mas acabam trabalhando uma outra afinação na guitarra, ao invés da afinação padrão, eles acabam fazendo uma afinação diferente, que pode chegar até 1 tom e meio abaixo da afinação padrão, o que isso significa na prática, hora de tocar, que essas cordas vão ter uma tensão menor, ou seja, você precisará fazer menos força para executar este tipo de técnica, então é importante você considerar também a afinação dos seu instrumento na hora de tocar, então as músicas que vocês esta querendo tirar na guitarra, ou seja de composições suas, ou de bandas que você gosta, como é afinação da guitarra nessas músicas?

Se a afinação for E, e você for um guitarrista iniciante ou intermediário, o ideal é que você utilize uma corda 09, ou 010. Eu mesmo prefiro utilizar a corda 0.9, essa marca como eu disse, a Elixir, apesar de ser 0.9, é uma corda que tem uma tensão um pouquinho maior do outras cordas 0.9 como a Daddario, por exemplo, ou ainda como a Giannini. A Elixir é mais intermediária, é quase uma 010.

Tem uma pegada legal, um som bacana e me satisfaz eu fico bem tranquilo em utilizar esta corda 09, eu toco, para vocês saberem, Blues, Rock, Punk Rock, Hard Rock, enfim, eu sou bastante versátil, gosto de tocar bastante coisa e esta corda Elixir 0.9, me ajuda e é a corda que melhor me atende.

Então é isso pessoal, falamos aqui de algumas marcas, falamos um pouquinho da tensão também, se ainda existir alguma dúvida sobre o tema só deixar um comentário aqui embaixo, que a gente responde nos próximos vídeos e também respondemos nos próprios comentários.

Valeu pessoal até a próxima e faça um curso de guitarra online.

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Remédios para impotência causam efeitos colaterais?

Xtrasize funciona
O tema de hoje é o uso de remédios para disfunção erétil e suas contraindicações. Afinal, eles têm muitos efeitos colaterais?

Sabemos que no mercado existem diversos representantes como o famoso Viagra, viagra natural, maca peruana, xtrasize funciona, entre outros.

Para falar a verdade, existem várias precauções que devem ser tomadas ao tomar esses medicamentos, além de inúmeras perguntas que você deve perguntar ao seu médico antes de começar qualquer tratamento.

É sempre importante saber quais são alguns dos efeitos colaterais dos medicamentos que estamos ingerindo. Como todos os remédios, eles têm efeitos colaterais potenciais.

Sintomas comuns

Alguns dos sintomas mais comuns que podemos encontrar, embora sejam relativamente brandos, incluem coisas dores de cabeça, nariz entupido, dor de estômago, rubor ou sensação de calor no rosto.
Estes são todos os efeitos colaterais relativamente comuns em pessoas que se medicam para tratar a impotência.

Se você tiver alguns desses efeitos colaterais, pode não ser necessário interromper a medicação caso esses sintomas não incomodem tanto.

No entanto, se eles começarem a tirar você do estado normal, é importante discutir o comportamento com seu médico e até mesmo fazer algum tipo de terapia alternativa para atenuar os efeitos indesejados.

Sintomas fortes

Existem alguns efeitos colaterais potencialmente mais preocupantes. Se você começar a sentir algum deles, provavelmente deverá interromper a medicação e entrar e falar com seu médico.

Estes sintomas incluem comportamentos como perda repentina de visão ou perda súbita de audição. Em alguns casos pode haver mudanças visuais, com o aparecimento de um tom levemente azulado ou arroxeado nas imagens.

Embora este não seja um efeito colateral sério, pode ser algo que você deve comunicar ao seu médico.

Quem não deve tomar remédios para impotência

Xtrasize funciona
Além disso, existem outros aspectos importantes que você deve se preocupar no que se refere a medicamentos para disfunção erétil.

Por exemplo, quem já tem histórico de insuficiência hepática ou mesmo de alguma doença cardíaca, deve evitar ao máximo tomar algum remédio dessa ordem sem consultar um cardiologista.

Além disso, pessoas que apresentam dor torácica, principalmente ao fazer esforço ou atividade física, também deve ir antes a um médico especialista em coração.

E por que essa cautela é necessária? Porque existe um risco latente de acontecer ataque cardíaco se a pessoa consumir esses remédios com frequência.

Os sintomas de um ataque cardíaco incluem dor no peito, que pode ou não ser expandida para a área do ombro.

Além disso, pode incluir sintomas como pressão no peito, aperto ou sensação de que alguém está sentado em seu peito.

Se você vir a sentir qualquer um desses movimentos, suspenda o uso dos medicamentos e procure um médico.

Não corra riscos

Por fim, o mais importante quando o assunto é remédios para impotência, é não se arriscar. Busque orientação médica e consuma apenas medicamentos indicados por um especialista.

Com a vida não se brinca, então tome cuidado.

Qualidade da distribuição de energia elétrica

Quando falta muita luz na sua casa, a distribuidora de energia elétrica é obrigada pela ANEEL a compensar financeiramente  você, consumidor....